Câmara Municipal de Planalto
Horários de Funcionamento da Camara
AGENDA 11/08/2020 |

Próxima Sessão 18/08/2020

 

REGISTRO DE COMPETÊNCIAS



REGISTRO DE COMPETÊNCIAS

PRESIDENTE

  1.  O Presidente é o representante legal da Câmara nas suas relações externas, cabendo-lhe as funções administrativas e diretivas de todas às atividades internas, competindo-lhe, dentre outras atribuições:
  2. I - quanto às atividades legislativas:
  3. a) convocar por escrito os Vereadores para as Sessões Extraordinárias;
  4. b) determinar, a requerimento do autor, a retirada de proposição;
  5. c) declarar prejudicada a proposição, em face da rejeição ou aprovação de outra com o mesmo objetivo;
  6. d) distribuir processos às Comissões e incluí-los na Ordem do Dia;
  7. e) zelar pelo cumprimento de prazos no processo legislativo e nos concedidos às Comissões e ao Poder Executivo;
  8. f) nomear os membros titulares e suplentes das Comissões Especiais criadas por deliberação da Câmara;
  9. g) declarar a destituição de membro das Comissões quando este incidir no número de faltas previstas no art. 38 deste Regimento;
  10. h) fazer publicar os atos institucionais de que trata o art. 215 deste Regimento; e
  11. i) fazer cumprir o Regimento Interno.
  12. II - quanto às sessões:
  13. a) convocar, presidir, abrir, encerrar, suspender e prorrogar as Sessões, observando e fazendo observar as normas legais vigentes e as determinações do presente Regimento;
  14. b) determinar ao Secretário que faça as comunicações que entender convenientes;
  15. c) determinar, de ofício ou a requerimento de qualquer Vereador, em qualquer fase dos trabalhos, a verificação de presença;
  16. d) declarar esgotado o tempo destinado à matéria do Pequeno Expediente, da Tribuna Livre, das Comunicações, do Grande Expediente, da Ordem do Dia e das Explicações Pessoais, inclusive quanto às prorrogações dos prazos regimentais concedidos;
  17. e) definir a Ordem do Dia para a Sessão seguinte;
  18. f) conceder ou negar a palavra aos Vereadores, nos termos deste Regimento, e não permitir divagações ou apartes estranhos ao assunto em discussão;
  19. g) interromper o orador que se desviar da questão em debate ou falar sem o devido respeito à Câmara ou a qualquer de seus membros, advertindo-o, chamando-o à ordem e, em  caso de insistência, casando-lhe a palavra, podendo, ainda, suspender a Sessão, quando não atendido e as circunstâncias o exigirem;
  20. h) chamar a atenção do orador, quando se esgotar o tempo a que tem direito;
  21. i) anunciar a matéria da discussão ou da votação e o resultado;
  22. j) resolver sobre os Requerimentos que, por este Regimento, forem de sua alçada;
  23. l) manter a ordem no recinto da Câmara, advertir o público, retirá-lo do recinto, podendo solicitar a força necessária para esses fins;
  24. m) nominar os Vereadores que votaram a favor, os que votaram contra, os impedidos e os ausentes do Plenário, independentemente da declaração de voto; e
  25. n) comunicar ao Plenário, na primeira Sessão subsequente à apuração do fato, a declaração da extinção do mandato, nos casos previstos na legislação específica, e convocar imediatamente o respectivo suplente.
  26. III - quanto à administração da Câmara Municipal:
  27. a) nos termos da legislação em vigor, nomear, exonerar, demitir, promover e suspender funcionárias da Câmara, conceder-lhes férias, licenças, abonos de faltas, aposentadoria, acréscimo de vencimentos e promover-lhes a responsabilidade administrativa, civil e criminal;
  28. b) superintender os serviços da Câmara e autorizar, nos limites do orçamento, as suas despesas, bem como requisitar o numerário ao Poder Executivo;
  29. c) proceder às licitações para compras, obras e serviços da Câmara, de acordo com a legislação federal pertinente;
  30. d) determinar a abertura de sindicâncias e inquéritos administrativos;
  31. e) rubricar os livros destinados aos serviços da Câmara e de sua Secretaria;
  32. f) providenciar, nos termos da Constituição Federal, a expedição de certidões que lhe forem solicitadas, relativas a despachos, atos ou informações;
  33. g) fazer, ao fim de sua gestão, relatório dos trabalhos da Câmara no respectivo período;
  34. h) promulgar, juntamente com os demais membros da Mesa, as Resoluções e os Decretos Legislativos; e
  35. i) promulgar as Leis com sanção tácita ou cujo veto tenha sido rejeitado pelo Plenário, desde que não aceita essa decisão, em tempo hábil, pelo Prefeito.
  36. IV - quanto às relações externas da câmara:
  37. a) representar judicialmente em nome da Câmara, “ad referendum” ou por deliberação do Plenário;
  38. b) encaminhar os expedientes formulados pela Câmara; e
  39. c) encaminhar, para parecer prévio, a prestação de contas do Município ao Tribunal de Contas do Estado ou ao órgão a que for atribuída essa incumbência.
  40. COMPETE, AINDA, AO PRESIDENTE:
  41. I - executar as deliberações do Plenário;
  42. II - assinar a Ata das Sessões Secretas, os Editais, as Portarias e o expediente da Câmara;
  43. III - dar andamento legal aos recursos interpostos contra atos seus, da Mesa ou da Câmara;
  44. IV - licenciar-se da Presidência quando precisar ausentar-se do Município por mais de dez dias, com autorização do Plenário;
  45. V - dar posse aos Vereadores que não foram empossados no primeiro dia da Legislatura, aos suplentes de Vereadores, presidir a Sessão de eleição da Mesa para o período seguinte;
  46. VI - declarar extinto o mandato de Vereador, nos casos previstos em Lei;
  47. VII - mandar cancelar, nos registros da Câmara, expressões ofensivas à dignidade dos componentes da administração pública em geral ou consideradas antiparlamentares;
  48. VIII - substituir o Prefeito, nos termos da Lei Orgânica do Município;
  49. IX - representar, por decisão da Câmara, sobre a inconstitucionalidade de lei ou ato municipal; e
  50. X - representar, por decisão de 2/3 (dois terços) da Câmara, a intervenção no Município nos casos admitidos pela Constituição Estadual.

  1. O VICE-PRESIDENTE
  2. O Vice-Presidente substituirá o Presidente em suas ausências, impedimentos ou licenças, ficando investido na plenitude das respectivas funções.
  3. DOS SECRETÁRIOS
  4. São atribuições do 1° Secretário:
  5. I - verificar e declarar a presença dos Vereadores, segundo o respectivo registro;
  6. II - ler, em resumo, na parte do Pequeno Expediente, para conhecimento do Plenário, todos os expedientes recebidos ou encaminhados pela Câmara;
  7. III - zelar pela guarda dos papéis encaminhados à decisão da Câmara;
  8. IV - apurar os votos abertos do Plenário;
  9. V - verificar a presença dos Vereadores quando em processo de votação;
  10. VI - substituir o Presidente e o Vice-Presidente, na forma deste Regimento;
  11. VII - coordenar a elaboração do rodízio dos Vereadores para o Grande Expediente;
  12. VIII - substituir o Presidente quando o Vice-Presidente estiver impedido ou ausente.

  1. São atribuições do 2° Secretário:
  2. I - substituir o 1° Secretário em seus impedimentos ou ausências; e
  3. II - substituir o Presidente, o Vice-Presidente e o 1° Secretário, na forma deste Regimento.
  4. ASSESSOR ADMINISTRATIVO

  5. Atribuições:
  6. Assessorar os trabalhos administrativos rotineiros ou que apresentem alguma complexidade da Presidência, da Mesa Diretora e dos Vereadores.
  7. Atribuições Típicas:
  8. Assessorar no planejamento dos trabalhos de funcionamento do Poder Legislativo;
  9. Assessorar a Mesa Diretora da Câmara de Vereadores nos assuntos de protocolo de documentos destinados a Câmara, internos e externos, dando encaminhamento para conhecimento imediato do Presidente e demais integrantes do Legislativo;
  10. Assessorar a mesa na produção de textos que tenham ligações diretas aos trabalhos de interesse geral do Legislativo e conferi-los após a digitação, sob a supervisão e orientação da presidência e do Assessor Jurídico da Câmara Municipal; Assessorar na publicação dos atos da Câmara Municipal no site próprio, mediante orientação do Presidente da Câmara Municipal e do Assessor Jurídico, acompanhar as publicações no site próprio, no quadro mural e em outros meios de comunicação, selecionando e encaminhando os exemplares para conhecimento dos interessados e, quando for o caso, arquivá-los;
  11. Assessorar a mesa no controle de presença dos vereadores nas sessões e em outros atos;
  12. Assessorar a mesa diretora na elaboração e transcrição das atas e na conservação de todos os atos e publicações da Câmara;
  13. Assessorar a Mesa Diretora para prestar informações simples, pessoalmente ou por telefone, e encaminhar visitantes;
  14. Assessorar a Mesa Diretora nos serviços de telefonia e outros meios de comunicação;
  15. Assessorar a Mesa Diretora na elaboração normas e promover atividades relativas ao recebimento, distribuição, controle do andamento, triagem e arquivamento dos processos e documentos em geral;
  16. Assessorar a Mesa Diretora para o andamento dos serviços de copa e zeladoria em geral.

  1. ASSESSOR JURÍDICO

  2. Atribuições:
  3. Prestar assessoramento em assuntos de natureza jurídica;
  4. elaborar estudos e preparar manifestações, examinando os aspectos de legalidade administrativa dos atos a serem editados, aplicados e/ou publicados;
  5. Assistir ao Presidente da Câmara, à Mesa Diretora, às Comissões Permanentes e Temporárias, bem como aos
  6. demais vereadores, no controle da legalidade dos atos, mediante exame de casos, propostas, anteprojetos, projetos e minutas de atos normativos de iniciativa do Poder Legislativo.
  7. Atribuições Típicas

  8. Prestar assessoramento jurídico ao Presidente, à Mesa, às Comissões Permanentes e Temporárias, aos Vereadores em questões de ordem jurídica e outras matérias que interessam ao desempenho das atividades da Câmara;
  9. Formular normas, métodos e procedimentos para orientar e controlar as atividades de natureza jurídica da Câmara;
  10. Emitir pareceres aos projetos em tramitação, quando solicitado pelas comissões;
  11. Proceder estudos e pesquisas de legislação, na jurisprudência e na doutrina com vistas à instrução a qualquer expediente administrativo que verse sobre a matéria jurídica;
  12. Estudar e minutar contratos, editais e outros documento que envolvam conhecimento e interpretação jurídica;
  13. Formular, propor e assessorar a elaboração de normas, métodos e procedimentos para orientar o planejamento, a execução e o controle das atividades de natureza jurídica junto aos vereadores; assessorar as comissões permanentes ou provisórias;
  14. Emitir pareceres, do ponto de vista legal e jurídico, sobre operações que importem em obrigações e responsabilidades para a autoridade superior;
  15. Examinar previamente sob o ponto de vista jurídico os Projetos de Lei e demais atos legais que forem submetidos à apreciação do plenário;
  16. Prestar assessoramento à prática de atos administrativos do Presidente da Câmara Municipal;
  17. Comparecer às sessões quando convocado pelo Presidente;
  18. Executar outras tarefas e atribuições correlatas e próprias da profissão.



logo da câmara de planalto

@2020 CÂMARA MUNICIPAL DE PLANALTO - RS

Avenida Presidente Vargas, s/nº, Centro de Planalto-RS CEP: 98470-000 Fone/Fax: (55) 3794-2440

Desenvolvido por InnovareWeb